O que uma impressora 3D é capaz de fazer? Veja lista de objetos

Atualizado: Jul 15

Listamos dez tipos de produtos produzidos através de impressoras 3D para mostrar a versatilidade da tecnologia.


As impressoras 3D fazem cada vez mais sucesso e já provaram do que são capazes. Elas podem criar desde objetos mais complexos até os mais simples, de maneira eficiente e, muitas vezes, mais barata. Confira:

objetos criados em impressora 3D

Um dos objetos que as impressoras 3D são capazes de fazer são fones de ouvido feitos especialmente para se adaptar ao formato do ouvido do usuário. É o caso do Normal, no qual você baixa um aplicativo, tira uma foto das orelhas e manda para a empresa que irá fabricá-lo, e do OwnPhones, que ainda é wireless e funciona via Bluetooth.

Além dos fones de ouvido, também foi produzido com a tecnologia um megafone pela empresa Fuji Xerox. A novidade do acessório, chamado Telephoto MegaFon, é que ele direciona o som para somente uma pessoa, fazendo com que ela seja a única a escutar a mensagem que será encaminhada.

possibilidades da impressão 3D

Além de objetos, as impressoras 3D também permitem fabricar comida, de vários tipos. Você pode escolher entre o modelo criado no MIT que faz sorvete em 15 minutos, a impressora inglesa que imprime frutas graças à tecnologia de gastronomia molecular e a Pancake Bot, que faz comida em formatos inusitados, como da Torre Eiffel.


Para os chocólatras de plantão, tem uma impressora feita especialmente pensada em vocês, a Chocabyte. O modelo, compacto e baratinho, tem formato de cafeteira e é capaz de produzir os chocolates mais variados, basta escolher o modelo que você preferir, com tamanho de 5 centímetros de largura e altura, por 2,5 centímetros de espessura.

Não somente objetos pequenos e compactos podem ser criados pelas impressoras 3D. Depois da Airbike, a bicicleta feita de nylon, chegou a vez de criar nada mais, nada menos que um carro usando a tecnologia. O veículo foi apresentado na mostra internacional Manufactoring Technology Show, em setembro de 2014, e teve seu test drive feito por jornalistas americanos nas ruas de Nova York. O mais inusitado é que o carro pode ser derretido para dar forma a um novo.